Sugestões: Aplicativo para Diabéticos

Estou fazendo um aplicativo para ajudar nas nossas vidas, para conseguirmos conviver melhor com as tabelas de carboidratos e com todos os dados que geramos. Ainda estou no começo do desenvolvimento, mas já fiz um vídeo de como está indo… O meu foco principal é fazer um aplicativo que seja simples de usar e que concentre várias funcionalidades.

Como eu espero que todos vocês usem o aplicativo, gostaria de saber um feedback de vocês. Saber o que está bom, ruim, o que poderia melhorar ou adicionar. Qualquer sugestão é muito bem vinda 🙂 Se puderem me ajudar, tentarei ao máximo deixar o aplicativo mais com a cara de vocês ;D

Segue o vídeo de como está o aplicativo até agora:

O que acham?

IPhone e monitor de glicemia

Chega ao Brasil mais um acessório para facilitar as nossas vidas! É o IBGStar, um glicosímetro que é conectado ao iPhone ou ao iPod Touch. Aí pode surgir a pergunta, vamos trocar um aparelho por outro somente? Acredito que não! Além de ser mais compacto do que o nosso aparelho de glicemia, o produto tem também um aplicativo, que permite além da leitura da glicose, enviar seus dados para o médico, gerar gráficos, inserir dados da contagem de carboidratos, quantidade de insulina, entre outros.

Assista ao vídeo abaixo, para ver o funcionamento desse novo aparelho:

O acessório começará a ser vendido ainda este mês no site da loja online da Sanofi, com um valor aproximado de R$ 250,00 e o pacote de tiras-teste com 50 unidades a partir de R$ 89,00.

Aprovada Insulina Inalável!

Já pensou em diminuir o número de picadas necessárias durante o dia? Uma solução para nosso tão conhecido problema de inúmeras picadas por dia foi aprovada pela Agência de Alimentos dos Estados Unidos (FDA) no final de junho. A novidade é a insulina inalável,  conhecida como Afrezza, que consiste em um pó, que será inalado através de um pequeno inalador. Quando atinge o pulmão, dissolve-se rapidamente e chega a corrente sanguínea, conseguindo levar a insulina até as células.

Como todas as soluções que surgem para diabéticos (e na área da saúde em geral), essa é mais uma que parece que demorará mais alguns anos para termos acesso. Porém, talvez não demore tanto… Falarei de algumas dúvidas que surgiram com essa nova notícia:

  • Primeiro de todos, a Anvisa liberou a entrada da insulina inalável no Brasil e tem-se a expectativa de que ainda esse ano seja comercializado aqui. Portanto, parece não estar tão longe assim de nós.
  • Talvez o principal conceito que se espalhe juntamente com a notícia da insulina inalável, é a de que ela acabarão totalmente com as injeções. Isso não é tão verdade. Se perceberem a forma como iniciei o post, falei sobre “diminuir” e não acabar com as picadas diárias. A questão é a seguinte, essa insulina substituiria a insulina rápida, a que geralmente tomamos antes de cada refeição, já que ela tem ação de 12 a 15 minutos após a “aplicação”. Ainda seria necessária a aplicação da insulina de ação longa

Esse é um grande marco para o tratamento de milhões de diabéticos, e a medicina está trazendo cada vez mais soluções para tornar a nossa vida cada vez melhor. Agora só nos resta esperar que ela chegue ao Brasil 🙂